sobre o DISCO
Fernando SalemBIO.html
 
Crítica de Cadão Volpato  Revista ÉPOCA
14/01/2002
Tanto quanto o título do CD, este primeiro trabalho-solo do paulista Salem vai direto ao ponto: tem suíngue, levadas de funk e soul e um molho de metais malicioso. Trilheiro de cinema e publicidade, parceiro de Arnaldo Antunes, criador das bandas Vexame e Clínica e sucesso entre a garotada com canções da série de TV Castelo Rá-Tim-Bum, Salem gravou sossegadamente, ao longo de três anos, as composições inéditas deste Disco. Reuniu amigos instrumentistas de enorme competência, trabalhou nos arranjos e imprimiu uma voz cristalina e técnica no comando do conjunto. Salem mostra que sabe cantar. Sua voz é o ponto forte de Disco, entre letras despretensiosas que acabam deixando o foco se concentrar na musicalidade contagiante de um profissional.http://epoca.globo.com/edic/20020114/cult2a.htmshapeimage_3_link_0